quinta-feira, setembro 08, 2005

Num mundo com tanta fartura

Morrem 1200 crianças por hora devido à pobreza



Quarenta por cento da população mundial ainda subsiste na pobreza e os países estão a falhar os compromissos de reduzir a miséria, que prometeram pôr em prática até 2015.
Em todo o Mundo morrem 1200 crianças por hora, ou cerca de 900 mil por mês, devido à pobreza, revela o relatório do desenvolvimento humano do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Os autores do documento consideram que "está a ser quebrada" a promessa feita em 2000 a todos pobres do Mundo de reduzir a pobreza para metade em 15 anos.
Mas o progresso só se vê nos países ricos. Hoje, juntando as 500 pessoas mais ricas do mundo obtém-se um rendimento superior ao obtido por 416 milhões de pessoas pobres.
No entanto, "no meio de uma economia global cada vez mais próspera, 10,7 milhões de crianças por ano não vivem para celebrar o seu quinto aniversário e mais de mil milhões de pessoas sobrevivem numa pobreza abjecta, com menos de um dólar por dia", lê-se na introdução do relatório.Hoje, quem vive na Zâmbia tem menos possibilidades de chegar aos 30 anos de idade do que uma pessoa que tenha nascido em Inglaterra em 1840.

4 comentários:

Anónimo disse...

Tanta fartura e tanta fome!
J. Costa

ines disse...

fiquei pasmada como é que à tanta crinça a morrer de fome...

Anónimo disse...

Eu acho isto fora do comum. Como é que pode haver tanta fome no mundo, e o primeiro ministro não ve nada? Ele ve, não quer é fazer caso. Será que o estado portugues não tem dinheiro suficiente, para dar a estas crianças uma boa condição de vida? Será que não pode ajuda-las? Será que não pode dar-lhes um pouco de comida, para elas não morrerem a fome? Mas não o nosso primeiro ministro, e o nosso presidente da republica, preferem construir novos estádios, fechar postos de trabalho e não só. Enfim...acho que pelo menos deviam de dar uma oportunidade a estas crianças, pois elas mereçem ter um prato de comida bom. Espero que sejam da mesma opinião do que eu.

Filipe disse...

como é k tanta gente no munddo hoje em dia morre à fome e os politicos não veem nem fazem nada.
como é k são tão "burros" ao ponto de as deixar morrer. "Foda-se" k pais é este? "Caralho" de politicos, socrates e outros morcões k andam aí, mas não para os ofender as palavras k escrevi aqui e se levarem a mal desculpem, mas mais uma vez digo façam alguma coisa, por este pais s não vamos acabar na miséria.