sábado, setembro 24, 2005

Meditando...

Os católicos perante a tragédia

O sofrimento e a morte foram sempre um enigma. O homem sonha ser eterno e grande - por alguma razão tem uma alma espiritual - e nem sempre as coisas são como queria. Há mesmo situações que lhe roubam esse sonho.
Aquilo que aconteceu com o tsunami do sudeste asiático e o que está a acontecer com os furacões da América já aconteceu com a destruição de Pompeia no ano 79 da era cristã ou mesmo com Lisboa da era pombalina. O homem é muito pequeno perante as forças da natureza!
Só à luz da morte e ressurreição de Jesus se consegue entender a dor e a nossa própria morte. Muitas vezes angustiamo-nos perante estas tragédias. Cristo viveu-as e superou-as. Este mundo é passageiro. Todos seremos submetidos à morte para este mundo. Mas para o homem justo a morte é páscoa - ponte para uma vida melhor.





4 comentários:

Anónimo disse...

Que as tragédias são contínuas iso já sabia. Que a morte um dia há-de chegar, também. Mas assim, morte macaca, Deus me livre!...
Luisa Agostinha

on disse...

Só à luz da morte e ressurreição de Jesus se consegue entender a dor"

mas porque existem estas tragedias? Deus não quer o nosso bem? não podia evitá-las? não é Deus amor?

louisgonzo32392145 disse...

i thought your blog was cool and i think you may like this cool Website. now just Click Here

Pdivulg disse...

O que nescessitamos é coragem para enfrentarmos a morte com alegria e como salvação, mas não é fácil...